Orientações para Credenciamento

Cadastro na paróquia, para coral e orquestra:

O cadastro é feito anualmente, com prazo máximo de inclusão de profissionais até a primeira quinzena de setembro.

  • A empresa precisa te CNPJ ativo, com pelo menos 2 anos de registro;
  • Ter escritório físico em São Paulo;
  • Ao consultarmos o Serasa a pessoa jurídica, bem como a pessoa física, não podem ter processos, pendências financeiras etc. Reclamações no Procon e Reclame Aqui;
  • Ter um responsável formado em música – enviar curriculum (o músico deve constar no contrato social ou ser funcionário da empresa);
  • Ter um organista responsável;
  • Apresentar carta de referencia de 3 igrejas , assinada pelo pároco, comprovando experiência em celebrações de matrimônio no rito católico;
  • Repertório com musicas sacras adequadas à cerimonia, ter condições de atender as exigências liturgias da Igreja (salmo, aclamação ao Evangelho, Ave Maria, Comunhão)

Se a empresa atender a esses critérios por gentileza envie cópia do contrato social e CNPJ, curriculum do músico, as três cartas de referências, aos nossos cuidados no endereço Rua Borges Lagoa, 1080 – cj 1101 – V. Clementino CEP.: 04038-002.

Após o levantamento, enviaremos um e mail para marcarmos uma reunião em sua empresa para podermos alinhar todos os detalhes do cadastro.

As empresas cadastradas terão gratuitamente o nome publicado em uma lista simples na versão impressa do guia, sem informações de contato e endereço, conforme página 203 do guia impresso.

Caso a empresa tenha o interesse em anunciar na versão impressa do Guia de Noivos, com direito ao anúncio no site, basta encaminhar os documentos solicitados acima até a primeira quinzena de setembro. Após a confirmação do cadastro, a mesma poderá manifestar-se por e-mail sobre o seu interesse para lhe encaminharmos o plano comercial e os procedimentos e contratos de publicidade.

Agendamos para o segundo semestre, uma palestra para cada segmento com o pároco da Paróquia Nossa Senhora do Brasil. Nessa ocasião discutiremos o desempenho dos serviços realizados no ano e o que pode ser melhorado para o próximo. Conhecerão melhor as normas da igreja que constarão no guia, nos contratos com os profissionais e com os noivos. Só a partir dessa palestra é que efetivamente a empresa poderá prestar serviços na paróquia.

Para os demais segmentos:

O cadastro é feito anualmente, com prazo máximo de inclusão de profissionais até a primeira quinzena de setembro.
A empresa precisa ter CNPJ ativo, com pelo menos 2 anos de registro;
Ao consultarmos o Serasa a pessoa jurídica, bem como a pessoa física, não podem ter processos, pendências financeiras etc. Reclamações no Procon e Reclame Aqui;
Apresentar carta de referencia de 3 igrejas , assinada pelo pároco;
Se a empresa atender a esses critérios por gentileza envie cópia do contrato social e CNPJ e as três cartas de referência, aos nossos cuidados no endereço Rua Borges Lagoa, 1080 – cj 1101 – V. Clementino CEP.: 04038-002.

Após o levantamento enviaremos um e mail para marcarmos uma reunião em sua empresa para podermos alinhar todos os detalhes do cadastro.

As empresas cadastradas terão gratuitamente o nome publicado em uma lista simples na versão impressa do guia, sem informações de contato e endereço, conforme página 203 do guia impresso:

Caso a empresa tenha o interesse em anunciar na versão impressa do Guia de Noivos, com direito ao anúncio no site, basta encaminhar os documentos solicitados acima até a primeira quinzena de setembro. Após a confirmação do cadastro, a mesma poderá manifestar-se por e-mail sobre o seu interesse para lhe encaminharmos a proposta de inserção e os procedimentos e contratos de publicidade.

Agendamos para o segundo semestre, uma palestra para cada segmento com o pároco da Paróquia Nossa Senhora do Brasil. Nessa ocasião discutiremos o desempenho dos serviços realizados no ano e o que pode ser melhorado para o próximo. Conhecerão melhor as normas da igreja que constarão no guia, nos contratos com os profissionais e com os noivos. Só a partir dessa palestra é que efetivamente a empresa poderá prestar serviços na paróquia.