Blog, Dicas › 24/11/2014
Como escolher os padrinhos do seu casamento
1342 Views

Um dos momentos mais críticos dos preparativos é a hora de escolher os padrinhos. A gente sempre se perde, não sabe quantas pessoas convidar, de quais núcleos, se “podemos” separar casais ou não, se chamamos os irmãos, enfim…

Vamos tentar esclarecer alguns pontos:

1) Para que servem os padrinhos? Não, não é para dar presente caro, rsrs. Brincadeiras à parte, os padrinhos são pessoas especialíssimas na vida do casal. Pessoas próximas que acompanham o dia a dia, torcem e acreditam na felicidade dos dois. Não vale convidar só pra fazer média com parentes e amigos e nem para homenagear pessoas. Os padrinhos serão aqueles que vão acompanhar a vida de vocês e se comprometerão a estar sempre por perto para orientá-los no seguimento da vida a dois. Sejam criteriosos na escolha.

bridesmaid4

2) Quantos padrinhos podemos convidar? Nas cidades onde os padrinhos ficam no altar na hora da cerimônia isso deve ser levado em conta – quantos casais cabem? Fora isso não há um número ideal. Mas como a ideia é que os padrinhos sejam pessoas bem próximas esse número costuma ser pequeno. Você pode convidar muitos padrinhos mas lembre-se que o caráter de privilégio que permeia essa escolha deixa de existir quando se tem pessoas demais. Uma boa dica é convidar um casal para representar cada núcleo (faculdade, trabalho, etc). Ah! E se vocês passarem pela saia justa de alguém se auto-convidar para ser padrinho ou madrinha, podem sempre agradecer o carinho e negar gentilmente, dizendo que têm um número limitado de pessoas para essa função e que as mesmas já foram convidadas.

vestido-para-madrinha-igual

3) Posso “separar” casais? Não faz o menor sentido convidar a namorada recente do seu irmão, com dois meses de namoro. Pelas formalidades, casais de namorados podem ser separados, mas casais casados não. Use seu bom senso (como sempre).

bridesmaid6

4) Nossos irmãos são padrinhos obrigatoriamente? Não. Essa é uma escolha muito pessoal. Como padrinhos ou não os irmãos dos noivos (em geral) já têm um papel especial na vida do casal. Esse privilégio já é natural. Mas muitos fazem questão da presença deles como padrinhos também. Na minha opinião o importante é conversar com eles, gerenciar as expectativas (eles geralmente já tem certeza que serão padrinhos) e optar pelo que funciona melhor para todo mundo.

bridesmaid

5) Nossos padrinhos não se conhecem. Isso pode ser chato, principalmente se você for “unir’” no cortejo um casal que não se conhece. Para minimizar isso, promova encontros entre os padrinhos antes do casamento. Como eles são pessoas próximas a vocês, é bom que elas interajam, se conheçam, se relacionem.

o que os padrinhos fazem

Cuidem para que os seus padrinhos entendam o porquê de terem sido convidados, para que valorizem o convite e entendam seu papel na vida de vocês e não só no dia do casamento.

E um recado para os padrinhos: além do papel principal e fundamental na vida do casal do casamento em diante, vocês também têm o papel de estar ao lado da noiva e do noivo nos preparativos do evento: ajudando a preparar o chá bar, de lingerie ou chá de panela, as despedidas de solteiros, organizando listas, ajudando na escolha dos fornecedores, estando por perto simplesmente, e no dia da cerimônia ficando ao lado do noivo e da noiva durante aquele dia, mostrando-se disponível e atento às necessidades dos dois.

Fonte: Site Casando com Amor

Imprima Esta Postagem